Notas da FIPRJ e FIP Praieira sobre o Ato Contra o Terrorismo de Estado de Ontem e Hoje! (No Sete de Setembro)

FIP-RJ, no Rio de Janeiro:
10624923_516505541817029_9155068165715536229_n

10628602_516502845150632_2889745959770215577_n

Ato Contra o Terrorismo de Estado de Ontem e Hoje – 07/09
Atualizado: há 16 horas atrás
Hoje realizamos um importante ato durante o desfile militar de 7 de setembro, dia da “independência”, CONTRA O TERRORISMO DE ESTADO DE ONTEM E HOJE!

Novamente, como no ano passado, fizemos a manifestação durante o desfile e em frente ao Palácio Duque de Caxias.

Mais uma vez, o ato transcorria de forma pacífica até que a Polícia Militar iniciou as agressões com o objetivo de nos expulsar da Avenida Presidente Vargas, desrespeitando o nosso direito à livre manifestação.

https://www.facebook.com/media/set/?set=a.516501768484073.1073741900.334699183331000&type=1

Veja os vídeos do Jornal A Nova Democracia:

———————————————————-

FIP Praieira (FIP-PE):

Ato organizado em Recife pela Frente Independente Popular de Pernambuco e pela Associação Pernambucana de Anistiados Políticos, durante o desfile de 7 de setembro, exigindo PUNIÇÃO aos Torturadores do Regime Militar Fascista e do Governo Eduardo Campos!

—-

Defender o Brasil é lutar contra o imperialismo, contra o Estado fascista e seus governos; é lutar pela punição dos torturadores do regime militar; é lutar pela liberdade dos presos políticos; é lutar pelo passe livre e por todos os direitos do povo. Defender o Brasil é levantar a bandeira de todos os países e povos oprimidos; é lutar contra o iminente ataque imperialista à Síria.

Neste 7 de setembro, devemos pensar numa verdadeira independência de nosso país, independência esta que só será alcançada com a liberdade e o fim da exploração de nosso povo, com a libertação do domínio imperialista. E só com a luta do povo, só com uma verdadeira revolução poderemos alcançar esta independência.

https://www.facebook.com/media/set/?set=a.294723663999306.1073741831.285490214922651&type=3
Ato ‘7 de setembro’ (9 fotos)
Companheiros da linha de frente com os nomes dos 12 desaparecidos de Pernambuco durante o Regime Militar.


Ato organizado em Recife pela FIP-PE e APAP no 7 de Setembro de 2013 pela Punição aos Torturadores do Regime Militar Fascista e do Governo Eduardo Campos!

———-

A reedição da tática de repressão moderna conhecida como “envelopamento”, onde uma quantidade desproporcional de policiais, não identificados e extremamente bem armados é usado pra impedir que ocorra atos públicos.

No dia 7 de setembro de 2013 o então governador de Pernambuco Eduardo Campos proibe o ato do 7 de setembro que estava marcado para a praça do Derby no centro do Recife. Cercados na praça os manifestantes foram atacados quando tentaram sair e exercer seu direito constitucional de se manifestar.

A resistência dos manifestantes após inúmeros enfrentamentos rompeu o cerco policial e o ato seguiu até a delegacia onde 12 pessoas haviam sido detidas. Duas detenções chamaram a atenção quando o policial responsável pela detenção fez constar no Boletim de Ocorrência que os jovens presos por determinação da direta do secretário de segurança que acompanhava a manifestação pelas cameras da cidade e escolhia quem deveria ser abordado e preso. No BO o policia informou que prendeu os jovens que não estavam fazendo nada por ordem do secretário.

O policial que revelou o abuso foi afastado e transferido para o interior!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s