AO SOM DE SIDERAIS, ATO LEMBRA A BATALHA DA EDUCAÇÃO NO RIO EM OUTUBRO DE 2013

Na noite do dia 1º de outubro, cerca de 500 pessoas, a maioria educadores da rede estadual e municipal de ensino, se reuniram na Cinelândia, Centro do Rio, para lembrar a Batalha da Educação em outubro do ano passado, há exatamente 1 ano. Na ocasião, educadores em greve resistiram por dias à toda ordem de violência usada pela PM para reprimir o movimento grevista.

Policiais foram flagrados atirando telhas, pedras e bombas de gás lacrimogêneo de cima da Câmara de Vereadores contra profissionais da educação que protestavam pacificamente contra um projeto de lei de desmanche da educação pública. Na mesma ocasião, PMs foram flagrados atirando spray de pimenta a esmo e forjando rojões na bolsa de um estudante. A ação despertou a ira do cariocas, que dias depois tomaram as ruas aos milhares para protestar em defesa da educação pública.

No protesto da última quarta-feira, filmes foram exibidos pelas massas e um varal com várias fotografias foi colocado nas laterais das escadarias da Câmara. Depois de várias intervenções e uma breve agitação no acesso ao teatro Municipal, a banda Siderais fechou o ato com o melhor da música marginal carioca.

(Texto de Jornal A Nova Democracia, publicado em 2/10/14, em sua página no Feicebuque)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s