Informe jurídico do processo dos 23

Esse é um dos processos “anexo” ao dos 23.

Com a palavra do adv. do Povo Marino, em 23/2/16.:

“MAIS UMA VITÓRIA DA LUTA POPULAR

Acabamos de tomar conhecimento que o 10º Juizado Especial Criminal da Leopoldina mandou arquivar o infame procedimento que tramitava contra o Sr. Eronaldo Araújo da Fonceca.

Ele é pai da então menor, Andressa Feitoza, ilegalmente presa na véspera da final da vergonhosa Copa do Mundo, acusada, inicialmente, pela DRCI, de porte de arma de fogo e de participação em associação criminosa majorada, por ter supostamente presa com a arma registrada e pertencente a seu pai, que estava guardada no meio das roupas íntimas do mesmo, em cômodo diverso do que a menina dormia, quando foi presa.

Andressa já foi absolvida, numa sentença onde o Juízo determina a devolução da arma ao seu legítimo dono.

Dando conta disso no processo do pai, que era injustamente acusado de omissão de cautela, incurso na lei do desarmamento, agora, conseguimos mais essa vitória, que, juntadas às outras já obtidas, vai desmontando, pouco a pouco, toda manobra do Estado para incriminar essa brava juventude combatente.

LUTAR NÃO É CRIME!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s